quarta-feira, 03 maio 2017 10:11

Proposta da ERSE: reduzir preços do gás natural

Uma boa notícia para os consumidores de gás natural: pelo terceiro ano consecutivo, o conselho administrativo da Entidade Reguladora de Serviços Energéticos, a ERSE, propõe uma redução nas tarifas do mercado regulado.

A queda de preços pode não parecer tão significativa, pois é de apenas 1,1%; no entanto, é vista com otimismo frente aos aumentos, ano após ano, que a ERSE propõe para a eletricidade. Este desconto significará uma queda de 15 cêntimos na fatura média mensal de 13€ e de 28 cêntimos, em uma de 24€.

Para aqueles com consumos acima de 10,000m³ (pequena indústria) ou para os de baixa pressão, esta descida dos preços será ainda mais interessante: 1,3% e 2,4% respectivamente.

Ainda não foi aprovada esta decisão, mas teremos a confirmação até o dia 15 de Maio, fazendo a entrada das novas tarifas a partir de 1 de Julho do 2017.

A nova tarifa seria aplicada aos 300 mil clientes que ainda fazem parte do Mercado Regulado, ou seja, um 4% do consumo total de gás natural. No entanto, os clientes do Mercado Livre também deverão sentir-se otimistas com a divulgação deste comunicado, pois as comercializadoras costumam basear-se nos preços propostos pela ERSE para definir os seus próprios preços no mercado liberalizado.

Carlos Afonso Sobral, responsável da Selectra Portugal, empresa comparadora de tarifas de eletricidade e gás natural no Mercado Livre, comenta o assunto: “é muito positiva esta notícia sobre a redução dos preços regulados, pois como as companhias do Mercado Livre costumam definir as suas tarifas com base nos valores propostos pela ERSE, isso significa que, provavelmente, estas também apresentarão novos valores mais competitivos para que possam conquistar ainda mais clientes”. Carlos também deixa claro que a companhia pela qual é responsável, a Selectra, apoia a ideia de que “o gás natural resulta mais rentável para o consumidor final”.

Também com relação ao gás natural, a outra boa notícia divulgada pelo Governo no último 16 de abril, é que o desconto de 31,2% das tarifas sociais sobre esta energia será mantido para o próximo período que vai de 01 de Julho de 2017 a 30 de Junho de 2018.

Apesar de Portugal ainda ter o preço do gás natural mais caro da zona euro, segundo o site PORDATA (Base de Dados Portugal Contemporâneo), para consumidores domésticos, é importante celebrar estes pequenos esforços por diminuir os gastos dos consumidores com esta energia.

Este artigo foi escrito pela Selectra. Selectra é líder no aconselhamento de tarifas de gás natural, electricidade e telecomunicações em França e em Espanha e chega agora a Portugal com até 800 contratos por mês assinados pelas companhias colaboradoras. Criada em França no ano de 2007, expandida para a Espanha em 2013, a Selectra chega a Portugal estando presente em já 12 países no total. Atualmente tem ao seu dispor o website dirigido aos consumidores de energia e telecomunicações onde podem comparar as tarifas e ter toda a informação relacionada com estes mercados: lojaluz.com

  geral@areac.pt           Tel/Fax: (+351) 239 542 939            Rua Dr. Rosa Falcão, n.º 133, 3220-216 MIRANDA DO CORVO                

Assine a nossa Newsletter

Nome:
Email: